Felizes os Pobres

Bem Aventurado - Pobres

Bem Aventurado os Pobres de Espírito por que deles é o Reino do Céus!

A felicidade é um estado de nobreza, e esta é oferecida graciosamente pelo Rei aos seus filhos, os filhos tem a felicidade por herança os escravos não!

O sermão do Monte é o discurso público mais extenso, didático e profundo do Senhor Jesus. O tema da BEM AVENTURANÇA e o REINO DE DEUS fazem um paradoxo de contraste interessante entre a vida em sociedade, o status humano, as expectativas de sucesso, e a busca da realização pessoal humana – não somente do homem do 1ª século, mas, do homem de todos os tempos. Afinal, todos buscam o estado supremo da FELICIDADE.

E o Senhor Jesus trará a resposta efetiva, conclusiva, perfeita para esta NECESSIDADE humana, sim, necessidade, pois o homem nasceu para ser feliz, sua vida só tem sentido e razão de existência se encontrada.

Para John Stott o Sermão do Monte é a CONTRA CULTURA CRISTÃ –

Para John Wesley é o resgate do CARATER DE DEUS e a exteriorização da Religião, ou seja, a pratica cristã vivida.

Enfim, é a proposta clara, direta e objetiva de Jesus de resgatar o homem perdido – em si, nos seus valores, na sua estrutura emocional, no seu ENTENDIMENTO pessoal e coletivo sobre FELICIDADE, permitindo-o assim que este homem seja verdadeiramente feliz.

 

Leitura do Texto  Mateus 5.1-4.

 

01 – A FELICIDADE PLENA NÃO ESTA NO REINO DOS HOMENS!

Aqueles, pois, que se haviam reunido perguntaram, dizendo: Senhor, restaurarás tu neste tempo o reino a Israel? At 1:6

O interessante na pluracidade do ser humano, sua diversidade cultural e histórica consiste em que o SER FELIZ para cada sociedade, cada cultura, cada homem e mulher é diferente! Existe uma matriz clara (status, poder, $$) e suas variações.

Para Israel a busca para sua FELICIDADE estava em voltar a ter um reino próprio, auto independência e suficiência.

A 1ª Grande Verdade do Sermão da Montanha é que a Felicidade (realização plena do homem) não está em nenhum REINO DOS HOMENS, e nenhum dos seus méritos, em nenhum de seus trabalhos/realizações, enfim, não esta no reino dos homens!

Reflexão A Felicidade plena do homem está em SER o que este foi criado para ser! Imagem e Semelhança de Deus – A Felicidade plena do homem esta em reencontrar o seu RELACIONAMENTO PLENO DIRETO com o Deus Criador! Não existe vida, paz, alegria, realização pessoal longe do Senhor JESUS!

JESUS enaltece um NOVO REINO de comunhão verdadeira, plena, transparente com o Deus Eterno, este é o REINO DE JESUS - Um reino com um código de ética e moral, não como regra para se ganhar ou perder algo, mas como manifestação do caráter do próprio Deus neste NOVO HOMEM restaurado.

Se a felicidade está no REINO DE CRISTO, e o seu reino não é deste mundo é fato entender que a verdadeira felicidade não está nas coisas deste mundo!

Não é feliz aquele que tem bom emprego, salário, sucesso – Nem o que tem bom casamento, relacionamentos e família, nem o que seja bonito – padrão humano, tenha dinheiro, saúde, etc – Feliz é Aquele que Conhece a Jesus de ANDAR com ELE.

“O meu reino não é deste mundo....o meu reino não é daqui...” (João 18.36)

Jesus trás no SEU REINO uma nova forma de compreensão a respeito de Deus, do proprio homem e da realidade que nos cerca.

Ponte - Existe sem dúvida um grandeza em ensinar, todavia, é necessário um CORAÇÃO DISPONIVEL para o aprender, estes são Pobres aos olhos dos Soberbos, mas, em compensação são FELIZES!

02 – A FELICIDADE PLENA NÃO ESTÁ EM TER, MAS, SER!  

Mais do que isso, considero tudo como perda, comparado com a suprema grandeza do conhecimento de Cristo Jesus, meu Senhor, por cuja causa perdi todas as coisas. Eu as considero como esterco para poder ganhar a Cristo. Fl .3-8

O pobre de espírito é o oposto do altivo ou soberbo. É aquele que reconhece, se sustenta e se vale unica e exclusivamente nos valores, feitos e méritos de CRISTO, e não nos seus! Afinal de contas sendo pobre não possui nada de si mesmo!

πτωχος ptochos - 2) destituído de riqueza, influência, posição, honra ; 2b) desamparado, impotente para realizar um objetivo 3) necessitado em todos os sentidos - 3a1) destituído da riqueza do aprendizado e da cultura intelectual que as escolas proporcionam - “O pobre de espirito não vive para satisfazer o EU

Reflexão – Pobre de Espirito não é o miseravel das ruas e favelas, destituidos de oportunidades, sofredor das injustiças sociais e do efeito do capitalismo esacerbado, antes, são aqueles são destituidos de si mesmos!

Ilustração – Nietzsche e outros pensadores criticos a fé cristã, imaginavam a fé em Cristo Jesus e a Felicidade que se encontra nELE como uma fulga da realidade, uma “droga que ilude” o homem da sua realidade. Sua tese sobre o cristianismo é a verdadeira antitese! Pois o Cristianismo não nega a realidade do homem, antes, a qualifica, a orienta, lhe dá sentido, lhe dá condições de vida plena, sem mascaras ou mentiras!

Ponte –Feliz é aquele que SABE quem é, e mais, Sabe que AQUELE que o criou o fez com VALOR!

 

03 – A FELICIDADE PLENA NASCE DENTRO SE MANISFESTA FORA!

as multidões estavam maravilhadas com o seu ensino, “porque ele as ensinava como quem tem autoridade, e não como os mestres da lei” Mt 7.29

A Vinda do Reino de Cristo é proclamada e é a exigencia e o fundamento para a conquista da Felicidade Plena.

O reino de Cristo não somente é interno e externo mas, também é ETERNO!         

INTERNO – pois não se preocupa com a reputação diante dos homens, mas, o CARATER verdadeiro diante Deus!

EXTERNO – pois gera vida, alegria e disposição para SER diante dos homens da sociedade a mão, os braços, a boca de Deus diante dos homens.

ETERNO – pois não se limita a tempo, espaço, cultura ou modismo, é a conquista da FELICIDADE PLENA.

Reflexão – O sermão do Monte dá a Jesus a autoridade que os mestres não tinham diante do povo, pois o seu ensino tinha autoridade de quem CONHECIA a mensagem, de quem VIVIA a mensagem, de quem ESPERAVA por seu cumprimento!

Ilustração – 2 pessoas entram no banco, uma de bermuda e chinelo para INVESTIR e outra de TERNO E GRAVATA para tomar EMPRESTIMO – um tem tranquilidade e dinheiro, o outro, preocupações e dividas.

Não é a nossa roupa “religiosa” mas, é o QUE SOMOS e o valor que damos ao QUE SOMOS e ao QUE ELE É!

 

O Sermão do Monte é a síntese- o resumo, de TODA a Eternidade ao homem. Toda a sabedoria do Eterno que é possível ser compreendida foi anunciada pelo Filho aos homens. A felicidade não é o fim do caminho do cristão, mas, o próprio trajeto! Não fomos chamados para vivermos vidas miseráveis, frágeis e sem sentido, para somente após morte encontrar um CÉU de perfeição. A felicidade não esta numa espiritualidade individual, subjetiva, mística, mas, numa vida solidária, social, que demonstre o Reino de Deus a pessoa ao lado.

 

Abraços Pastor Públio Azevedo



 

Programação da Semana

Segunda-Feira  - 20 hs
Oração, Clamor e Vitória;

Terça-Feira       - 20 hs
Encontro das Mulheres;

Quarta-Feira    -
16h- Espaço Aberto- Esportes
19h30-RECUPERE - clique aqui
20h- Estudo Biblico/Doutrinario

Quinta-Feira     - 16 hs
Espaço para Adolescentes

Projeto Mulheres do XV

Sábado
8h- EDUCAXV-cursinho ENEM
13h- Ensaios -Adolescentes
14h- Evangelismo- PESCA
15h- Ensaios -Jovens
16h- LIBRAS -
Projeto Mãos que Libertam 
20h- Vide agenda do Mês

Domingos
9h00 hs - Culto da Manhã

9h45 hs - EBD/Ministérios

17h30 - Celebração
19h30 - Celebração

Mensagens

gp1

gp7

gp2

gp8

gp3

gp9

gp4

gp10

gp5

gp6